Zamalek vence a primeira edição da BAL

Zamalek vence a primeira edição da BAL

- EmBAL, Destaque
0

Quase todo mundo esperava uma final entre Petro de Luanda e Monastir (da Tunísia), mas o Zamalek (do Egipto) tinha outras intenções.

Depois de vencer o Petro de Luanda nas meias finais, a equipe do Egipto veio com tudo e derrotou Monastir (Tunísia) 76-63 para sagrar-se campeã da edição inaugural da Liga Africana de Basquetebol (BAL), que teve lugar na Kigali Arena no Ruanda . Este campeonato foi transmitido em directo para os adeptos em 215 países e territórios em 15 línguas, com parcerias entre canais de televisão e transmissão directa no site da competição.

Créditos: BAL/Getty Images


Os prémios para os melhores jogadores foram anunciados e, seguindo uma tradição da NBA, homenageiam lendárias estrelas africanas da NBA: Hakeem Olajuwon (Nigéria), Dikembe Mutombo (República Democrática do Congo) e Manute Bol (Sul do Sudão).

A BAL criou o Hakeem Olajuwon BAL Most Valuable Player Award, o Dikembe Mutombo BAL Defensive Player of the Year Award e o Manute Bol BAL Sportsmanship Award em reconhecimento das suas lendárias carreiras na NBA e contribuições fora do campo. Os vencedores do prémio foram seleccionados por um painel de escritores desportivos, emissoras e scouts da NBA, tendo os nomeados recebido três pontos por uma votação para o primeiro lugar, dois pontos por uma votação para o segundo lugar e um ponto por uma votação para o terceiro lugar. Os 12 treinadores principais da BAL votaram para o Prémio Manute Bol BAL Sportsmanship. Os treinadores não puderam votar nos jogadores da sua própria equipa. Tanto a fase de grupo do BAL como os Playoffs foram considerados como parte do processo de votação.

  • Walter Hodge (Zamalek) foi nomeado o jogador mais valioso do BAL (Prémio Hakeem Olajuwon) depois de conduzir a sua equipa a um recorde invicto de 6-0 com médias por jogo de 15,5 pontos, 5,7 assistências e 5,0 ressaltos.
  • Anas Osama Mahmoud (Zamalek) foi nomeado o melhor Jogador Defensivo (Prémio Dikembe Mutombo), após registar médias por jogo de 6,7 ressaltos e 2,8 bloqueios de lançamento.
  • Makrem Ben Romdhane (US Monastir) recebeu o prémio Manute Bol BAL Sportsmanship Award por exemplificar os ideais de desportivismo e camaradagem.


O Petro de Luanda ficou na terceira posição, após vitória sobre a equipe da casa, o Patriots, por convincentes 97-68, num jogo em que a equipe angolana definiu um novo recorde de triplos nesta competição, 20 triplos convertidos em 44 tentados, uma surpreendente eficácia de 45.5%.

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.