NBA pode regressar sem público nos pavilhões

NBA pode regressar sem público nos pavilhões

- EmBasquetebol, NBA
0

Adam Silver, Comissário da NBA, teve ontem uma conversa por videoconferência com um grupo de jogadores para falar sobre o potencial regresso da NBA e alertou-os acerca de um cenário potencialmente sombrio devido a pandemia do coronavírus, sugerindo que não existem garantias de que os adeptos possam regressar plenamente às arenas da NBA na próxima época.

Além dos vários jogadores que fizeram perguntas ao comissário durante uma sessão de uma hora, a reunião contou também com a presença da directora executiva Michele Roberts e do presidente da National Basketball Players Association (NBPA), Chris Paul.

Veja aqui os principais pontos abordados:

  • Se a época 2019/20 for retomada, não haverá adeptos nos pavilhões. E esta decisão poderá permanecer enquanto não houver uma vacina;
  • 40% das receitas da liga provêm dos adeptos. Sendo assim, a NBA está a trabalhar em outras formas interactivas de conseguir o envolvimento dos adeptos;
  • Uma decisão sobre o recomeço da época pode ser tomada até Junho;
  • Se/quando a NBA puder voltar, Adam Silver disse aos jogadores que é mais seguro fazê-lo em um ou dois locais – como Walt Disney World em Orlando e Las Vegas – em vez de viajar pelas cidades e instalações.
  • As equipas da NBA serão novamente informadas de que o regresso dos jogadores aos treinos é voluntário e que não devem ser exercidas pressões. O Presidente da NBPA, Chris Paul, e o Vice-Presidente Kyrie Irving disseram à Silver que alguns jogadores têm sentido a pressão das equipas para regressarem às instalações e isso não deveria acontecer, o que a Silver concordou e declarou que quaisquer outras preocupações deveriam ser feitas à liga e à NBPA;
  • Espera-se que os playoffs sejam jogados em séries de 7 jogos por ronda. As séries podem avançar rapidamente se não houver a necessidade de viajar, ficando num único local. Orlando e Vegas continuam a ser as preferências, apesar de outras cidades manifestarem o interesse em receber a NBA;
  • Silver admitiu que haverá um impacto financeiro significativo para a liga se a época não for concluída e se não houver adeptos nos estádios na próxima época;
  • Quando questionado sobre uma potencial segunda vaga do vírus no Outono, Silver disse que é por isso que adiar o início da época 2020/21 faz sentido. Fontes sugerem que a próxima época deve começar no dia 25 de Dezembro;
  • E o que acontece se um jogador voltar a testar positivo? Silver respondeu que espera que a NBA seja capaz de administrar os testes diários nesse momento, não interromper os jogos e isolar o(s) jogador(es) em quarentena. Silver citou também uma potencial pausa de dois dias. Qualquer decisão teria de ser tomada em conjunto com a NBPA.

As informações são do jornalista Adrian Wojnarowski, da ESPN.

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.