Girabola Zap 2019/20: Transferências, preparativos e Supertaça

Girabola Zap 2019/20: Transferências, preparativos e Supertaça

- EmDestaque, Girabola Zap
0

GirabolaZAP

Aproxima-se o início de mais uma temporada do Girabola Zap. A abertura da época 2019/20 está prevista para o dia 4 de Agosto com a disputa da 1ª mão da Supertaça, entre o vencedor do Girabola 2018/19, Clube Desportivo 1º de Agosto, e o finalista vencido da Taça de Angola 2018/19, o Clube Desportivo da Huila, ambas equipas militares. A 1ª mão será disputada na cidade do Lubango enquanto a 2ª mão será em Luanda, no dia 11 de Agosto.

As equipas do 1º de Agosto e Petro de Luanda representarão o país na Liga dos Campeões Africanos 2019/20 com a disputa das pré-eliminatórias entre os dias 09 à 11 de Agosto (1ª mão) e 16 à 18 de Agosto (2ª mão), os adversários ainda não são conhecidos.

A data da Supertaça de Angola poderá sofrer alterações, pois, considera-se a possibilidade de ela ser disputada em apenas um jogo. O mesmo acontece com a data da pré-eliminatória da Liga dos Campeões Africanos, ainda não se reagendou a 2ª mão da final da competição continental de clubes.

O Girabola Zap 2019/20 arranca no dia 16 de Agosto, a 1ª jornada reserva-lhe os seguintes jogos:
1º de Maio de Benguela vs Académica do Lobito
Benfica do Lubango vs Petro de Luanda
Progresso do Sambizanga vs 1º de Agosto
Ferrovia do Huambo vs Cuando Cubango
Sporting de Cabinda vs Recreativo do Libolo
Desportivo da Huíla vs Bravos do Maquis
Sagrada Esperança vs Interclube
Santa Rita vs Recreativo da Caála

 

Mercado de Transferências dos dois principais clubes da competição

Do elenco da época passada do 1º de Agosto, regista-se quatro saídas de peso: Anderson Aquino, Keihinde Ysa, Mingo Bille (vai para o Clube Desportivo da Huíla) e a mediática transferência de Manuel Cafumana “Show” para o clube francês Lille Olympique Sporting Club Métropole por 2 milhões de euros assinando um contrato válido por 5 épocas. Quanto às entradas, destaca-se o camaronês Yazid Atouba proveniente do Maritzburg United FC, clube da Primeira Liga sul-africana, , ex-defesa central do Progresso Associação do Sambizanga com passagem pelo Clube Desportivo da Huíla, o regresso de lateral esquerdo Moná, anteriormente emprestado ao Clube Recreativo da Caala e a inclusão de Osvaldo Capemba “Capita” proveniente do escalão de formação do clube e que foi o melhor marcador do CAN Sub-17 realizado na Tanzânia em Março de 2019, onde Angola alcançou o segundo lugar (após castigo da Guiné Conacry por má inscrição de um atleta).

No Atlético Petroléos de Luanda, entre as saídas destaca-se a transferência de Tiago Lima Leal, “Tiago Azulão” para o Olympiakos de Nikósia, clube da primeira divisão cipriota, chegou ao Petro em meados de 2016 tendo feito três anos e meio onde marcou 60 golos e foi duas vezes melhor marcador do campeonato nacional, os valores da transferência não foram divulgados. Foram dispensados também os jogadores Carlinhos, Mateus e Hélio que já assinaram pelo Interclube de Angola. Poderão ainda sair para o futebol turco os jogadores: Herinilson do Carmo e Eddie Afonso.

Relativamente às entradas, já foram confirmadas três contratações: Jacques Tuyisenge (ex-Gor Mahia), Dolly Menga (ex-Livingston, Escócia) e Dany (ex-Kabuscorp). Por confirmar está a aquisição de Yannick Boling (ex-AS Vita Club).

O Sagrada Esperança da Lunda Norte reforçou-se com jogadores na sua maioria provenientes do Kabuscorp do Palanca, incluindo o seu técnico Paulo Torres, são eles: Água Doce, Cabibi, Langanga, Simão e Tady. Além de Yuri (ex-Santa Rita de Cássia) e Landu (ex-Interclube).

O Ferrovia do Huambo fará a sua estreia no Girabola e já confirmou treze reforços para o seu plantel, são eles: guarda-redes Anselmo (ex-Saurimo FC), os defesas laterais Barbosa e Baton (ex-ASA), os defesas centrais Dudú (ex-Saurimo FC) e Yanick (ex-AS Dragão do Uíge), os médios Londaka (ex-Domant do Bengo), Ngoma (ex-Jackson Garcia de Benguela), Mano e Ary (ex-Santa Rita de Cássia do Uíge), Aguinaldo (ex-júnior do Primeiro de Agosto) Erick (ex-júnior do Zangado de Luanda), e os avançados Vado (ex-júnior do Petro de Luanda) e Rui (ex-júnior do Primeiro de Agosto). O treinador deu igualmente a conhecer que o clube está a negociar com mais quatro jogadores, com fortes possibilidades de serem opção de início, antevendo uma boa participação na competição.

Por outro lado, o Ferrovia do Huambo dispensou 14 atletas, ficando apenas com os 15 mais utilizados na fase de apuramento.

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.