Fórmula 1 está a considerar um regresso a África e não exclui Miami ou Hanoi

Fórmula 1 está a considerar um regresso a África e não exclui Miami ou Hanoi

- EmAutomobilismo, Formula 1
0
Foto: Peter Hassall Photography

O novo presidente e CEO da Fórmula 1, Stefano Domenicali, disse que a organização está a considerar um regresso a África na sequência do recente interesse de promotores, e não exclui a possibilidade de acrescentar Miami e Hanói ao calendário.

“Outros potenciais promotores de corridas manifestaram interesse na Fórmula 1. Isso é basicamente no Norte de África e na África do Sul, é o que posso dizer”. Isto é algo muito importante, penso eu, termos uma pista nova ou uma já conhecida com um grande legado de volta na Fórmula 1″. Este último refere-se ao circuito Kyalami na África do Sul, que realizou 20 corridas do Campeonato Mundial de F1, a última das quais em 1993.

Quanto a Miami e Hanói: “A nossa estratégia no futuro será estar mais presente nos EUA com mais do que um GP,” – “E claro que Miami é um lugar que nós estamos interessados. Não posso dizer mais do que isso. Mas com certeza, há um grande interesse de ambas as partes em estar lá”.

“O Vietname já não está no calendário, mas continua a ser uma opção em aberto. Tem sido um investimento incrível e por isso ainda está em cima da mesa para um evento futuro”.

 

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.