International Football Association Board efectua pequenas alterações às regras do futebol

International Football Association Board efectua pequenas alterações às regras do futebol

- EmFutebol
0

A International Football Association Board (IFAB) realizou ontem em Aberdeen, Escócia, a 133ª Reunião Geral Anual, onde discutiram vários aspectos destinados a afinar as leis para o benefício do futebol, bem como uma avaliação do uso de vídeo-árbitro (VAR). A reunião foi presidida pelo Presidente da Federação Escocesa de Futebol (SFA), Alan McRae e contou com a presença de representantes da FIFA e das associações de futebol da Inglaterra, País de Gales e Irlanda do Norte.

De uma forma resumida, as principais alterações às regras são as seguintes:

  • Golos marcados em situações em que a bola toca na mão na conclusão ou na origem do lance passará a ser invalidado, mesmo que o toque não seja intencional;
  • Ao ser substituído, o jogador deve sair pela linha mais próxima;
  • Membros da comissão técnica passarão a ser advertidos com cartão amarelo e/ou vermelho;
  • Nos pontapés de baliza, a bola já não precisa necessariamente sair da grande área para estar em jogo;
  • Já não será permitido a presença de jogadores adversários na barreira defensiva durante a marcação de um livre directo. Eles deverão ficar a um metro da barreira defensiva nas faltas, de formas a acabar com as confusões e disputas por espaço que só atrasam o jogo;
  • Haverá mudanças no procedimento de “bola ao ar”, passará a ser utilizada em algumas situações em que a bola tocar no árbitro, por exemplo;
  • Agora o guarda-redes só precisará ter um pé sobre a linha no momento da marcação do penalti.

Estas regras entrarão em vigor na época 2019/2020.

Após a decisão histórica tomada no ano passado, 132ª Reunião Geral Anual da IFAB ao aprovar o uso do VAR, o presidente da FIFA, Gianni Infantino, expressou a sua satisfação com o impacto significativo e o sucesso que a VAR teve. Parcialmente como resultado do seu sucesso no Mundial da FIFA de 2018 na Rússia, o VAR agora é uma parte aceite do futebol e trouxe maior imparcialidade ao jogo sem qualquer interrupção significativa, com uma média de consultas que leva pouco mais de um minuto a cada três jogos.

Fonte: International Football Association Board

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *