DSTV Liga MMA – 1ª Etapa trouxe um verdadeiro show de artes marciais

DSTV Liga MMA – 1ª Etapa trouxe um verdadeiro show de artes marciais

- EmDesporto de Luta, Destaque, MMA
0

No dia 29 de Setembro o Studio 123, em parceira com a DSTV, trouxeram aos amantes do desporto em Angola, um evento de elevado nível: DSTV Liga MMA.

Fotografia: Photopapi

“MMA ou Artes Marciais Mistas é um desporto de combate “Vale Tudo” em que os oponentes num combate corpo-a-corpo podem desferir golpes tanto no chão como em pé, utilizando técnicas de várias modalidades de luta.”

A DSTV Liga MMA será disputada em 4 etapas:

  • 1º Etapa: 29 de Setembro;
  • 2ª Etapa: Novembro de 2019;
  • 3ª Etapa: Fevereiro de 2020;
  • 4ª Etapa: Maio de 2020.

Como foi a primeira edição?

As lutas do cartaz foram escolhidas à dedo pela organização, para garantir entretenimento de alto nível à todos os que se dirigiram para o local do evento.

Mas, os combates não começa no dia marcado, há um processo, uma fase de estudo e “intimidação” entre os oponentes. Foi exactamente isso que o público conseguiu perceber durante as sessões públicas de treinamento.

No dia 28 de Setembro, dia da última conferência de imprensa, pesagem e frente à frente, a temperatura à volta do evento subiu consideravelmente. O que causou a fricção durante este pré-evento? Uma agressão de Blanche à Divaldo, durante o frente à frente, o que causou uma avalanche de críticas ao atleta da Angolan Top Team. Após a agressão, os ânimos foram acalmados e a promessa de resolver tudo no octógono foi lançada.

Dia D…

Um cenário muito bem montado no Centro Cultural Paz Flor, em Luanda, serviu para receber os amantes de artes marciais, que ocuparam todos os lugares disponíveis na arena.

Às 18:30 como programado, Walter Lobão subiu ao octógono e deu início ao evento que com certeza estará na lista dos melhores eventos desportivos do ano.

Luta 1: Nílvio vs Bruno | Modalidade: Grappling

A batalha inicial foi na modalidade de Grappling (Jiu Jitsu Sem Kimono). Nílvio (Matilha BJJ) e Bruno (Dojo) são dois atletas recém chegados à faixa azul com muita habilidade e atitude. Depois dos primeiros minutos muito equilibrados, Nílvio conseguiu impor o seu estilo e vencer a luta por pontos.

Luta 2: Helmer vs Jorge | Modalidade: Kickboxing

Helmer (Team Bráulio Chute) entrou para esta luta com um recorde limpo: 8 vitórias e 0 derrotas. Jorge (Team Só Lutas) prometeu durante a conferência de imprensa que a sua habilidade no boxe seria importante para o desfecho. No final, Jorge mostrou que não estava a falar em vão e os seus ataques, principalmente com os fundamentos de boxe, resolveram a luta. Vitória de Jorge, por pontos.

Luta 3: Inocêncio vs Joaquim | Modalidade: MMA

A primeira luta na modalidade MMA deste evento opôs Inocêncio “The Doctor” da Angolan Top Team e Joaquim “Betão” da DBC/HDA. Uma das lutas mais espectaculares da noite, Muay Thai contra Ju-Jitsu Tradicional, técnica contra garra. No final, Inocêncio venceu a luta, por pontos.
Fotografia: Photopapi

Luta 4: Ismael vs Afonso | Modalidade: MMA

Durante a conferência de imprensa, Ismael “Kimura”(Matilha BJJ) disse sem hesitar que na sua categoria, não havia competição. Afonso “Habilidoso” da (RANDOR) prometeu contrariar o seu adversário. O combate veio provar que “Kimura” é um nome a ter em conta nesta liga, com uma submissão no primeiro round, uma chave de braço letal, que deixou o seu oponente sem opções.

Luta 5: Ricardo Vs Renato | Modalidade: Grappling

O cartaz para esta luta não podia estar mais certo: A LENDA vs O SAMURAI. Ricardo Ximenes (RX Team) e Renato de Jesus (Matilha BJJ) deram um show de Jiu Jitsu durante o evento, o público aplaudiu bastante durante esta batalha em que o “Professor Ricardo” mostrou que a antiguidade é um posto e conseguiu superar o incansável Samurai.

Luta 6: Eduardo vs Evander | Modalidade: Kickboxing

Quem gosta de acção, decerto que gostou deste combate. Evander (Bráulio Chute) e Eduardo (Fight Society) são bastante talentosos e não viram a cara à luta. Acção sem parar, mas no final, Eduardo foi com certeza o mais eficiente, vencendo a luta por pontos.

Luta 7: King Leão vs Osvaldo “Créu”

Mais um combate que começou antes do dia 29 de Setembro. King Leão usou diversas tácticas para desestabilizar o adversário, prometendo que daria sentido ao seu apelido de “Leão” e mostrar que era o rei da selva. No entanto, no octógono, o rei foi outro, Osvaldo Créu conseguiu dominar o “Rei” e sagrou-se vencedor.
Fotografia: Photopapi

Luta 8: Anderson vs Inelton | Modalidade: Grappling

Anderson (ATA) e Inelton (GFTeam Angola) já se conhecem de outros “carnavais”. Anderson teve a chance da sua tão esperada desforra contra o imparável Inelton, que conseguiu uma vitória contra o seu oponente no Angola Grappling Tournament, em Maio deste ano. Anderson entrou bastante concentrado e soube utilizar a sua força e técnica para vencer Inelton, que teve problemas para se adaptar ao octógono.

Luta 9: Elísio vs Francisco “Trovoada” | Modalidade: MMA

Elísio atormentou Francisco “Trovoada” durante todos os pré-eventos, pondo em questão à sua preparação para estar dentro de um octógono em tão pouco tempo. Trovoada mostrou-se sempre muito concentrado e guardou o melhor para o dia da batalha, nesta que foi uma das lutas de cartaz. Elísio tentava atacar por cima, enquanto Trovoada não perdia uma chance para ir ao tatame e resolver a luta com a sua especialidade: Wrestling. No final, Trovoada venceu o rei das ruas.

Luta 10: Divaldo vs Blanche | Modalidade: MMA

A luta mais esperada da noite. A agressão de Blanche na noite anterior, fez com que o público estivesse praticamente todo do lado de Divaldo “The Ghost” (Matilha BJJ). Tanta animosidade entre os oponentes fazia crer que a luta seria renhida… No início do primeiro round, Divaldo tentou logo a submissão, mas Blanche parecia ter a lição bem estudada, conseguindo sair das “armadilhas” de Divaldo. No entanto, “O Fantasma” tem técnicas impressionantes no solo e conseguiu a submissão no final do primeiro round. Um “Mata Leão” tirou Blanche de combate, literalmente, o lutador perdeu temporariamente os sentidos e teve de ser reanimado.
A plateia foi ao delírio com o desfecho da luta, uma vez que a atitude de Blanche durante a última conferência de imprensa foi de desrespeito para com o adversário. Divaldo conseguiu a sua “Vingança” e questionado sobre quem queria como próximo adversário, não hesitou “Pode vir qualquer um, que eu vou bater e vou bater muito“.
Um final épico para um evento muito bem organizado, contando com praticantes de artes marciais e não só. Num ambiente festivo, os espectadores puderam conviver antes e depois do evento, sem sobressaltos, fechando com chave de ouro a 1ª edição da DSTV Liga MMA.
Aguardamos agora pela segunda edição, que surpresas trará a organização?!

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.